COMUNICAÇÃO PELOS SENTIDOS – PARTE I



Qual é o seu sentido predominante?


Com qual canal sensorial você filtra as mensagens externas?


Nós somos seres que utilizamos os sentidos para se relacionar com o mundo, nós cheiramos, ouvimos, sentimos, vemos e degustamos. Na década de 70 os fundadores da PNL (Programação Neurolinguística) Richard Bandler e John Grinder, classificaram as pessoas segundo seus estudos em três grupos: Visuais, Auditivos e Sinestésicos. Cada grupo utiliza a sua preferência sensorial para aprender, se expressar e entender.


O Visuais, tendem a utilizar palavras que indicam imagens, veja o exemplo quando as pessoas com essa predominância descrevem uma cena: Eu vi um jogo de futebol maravilhoso, quando os torcedores viram a bola entrando no gol, você deveria ter visto: todos pulando, os rostos alegres e os jogadores olhavam para a torcida, foi muito bom!


Agora, veja o mesmo exemplo narrado por uma pessoa com predominância Auditiva: Quando o time fez o gol, só deu para ouvir os torcedores gritando, você deveria ter ouvido o coro que os torcedores cantavam: é campeão! Lembrando que as pessoa auditivas utilizam palavras relacionadas a sons, além de gostarem de falar mais que os outros dois grupos.


Vamos sentir agora, como os Sinestésicos descreveriam o mesmo fato: Eu estava lá, sentindo o calor, o estádio estava lotado, e, quando fizeram o gol, todos os torcedores se abraçaram, foi uma energia maravilhosa! Como você deve ter percebido, os sinestésicos utilizam palavras indicando as sensações.


Ao identificar o canal sensorial do interlocutor, a comunicação fica mais fácil, e, ao utilizar as palavras preferidas da pessoa, o mesmo ficará propenso a uma conversa mais aberta e sincera.

“É claro que ninguém é totalmente visual, completamente auditivo nem 100% sinestésico. Naturalmente, somos uma mistura de todos os três. No entanto, em todas as pessoas, um desses sistemas domina os outros (BOOTHMAN, 2012)”


E como identificar a predominância de um cliente, para que a comunicação seja mais tranquila e eu possa apoia-lo de uma forma mais assertiva? Leia o texto “Comunicação pelos sentidos - parte II” e terá melhores resultados.

#linguagemcorporal #sentidos #comunicação #Coach #Jundiaí #LifeCoaching #Campinas #CoachingdeCarreira #DISC #Coaching #ExecutiveCoaching #DesenvolvimentoHumana #Meta #Sucesso #Objetivo #Altaperformance

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square